Escolha uma Página

Os vazamentos podem trazer sérias consequências para sua casa ou estabelecimento comercial. E nem sempre é fácil identificá-lo. Muitas vezes, somente depois de algum estrago é que a pessoa percebe o vazamento e procura corrigi-lo.

A instalação hidráulica de uma edificação fica, em sua maior parte, enterrada sob o piso ou corre pelo interior das paredes. Um pequeno furinho em um tubo não causará danos imediatos, mas em médio ou em longo prazo poderá ameaçar a estrutura, comprometendo parte da solidez do imóvel.

As técnicas profissionais de detecção de vazamentos são uma forma de evitar maiores prejuízos e ajudam a economizar dinheiro. Quer ser mais precavido e saber por que vale a pena detectar e evitar logo um problema com encanamentos? Veja quanto custa um vazamento!

O aumento nas contas de água

Um dos primeiros indícios de que pode estar acontecendo algum vazamento em sua casa é o valor da conta de água no final do mês. Talvez, algumas pessoas nem percebam se a diferença não for tão alta. Caso seja uma diferença extravagante é sinal de que a instalação hidráulica apresenta algum problema.

Fique ciente de que cada metro cúbico de água registrado na conta equivale a mil litros de água consumida.

Para uma conta de água aumentar muito, é preciso considerar alguns fatores:

  • você realmente aumentou seu consumo de água (comprou um carro, está morando com mais pessoas, construiu uma piscina, está demorando mais tempo no banho e assim por diante);
  • houve reajuste de valores;
  • o hidrômetro está com algum defeito;
  • existe um vazamento em sua casa.

Avalie todas as possibilidades e, no caso de dúvidas, chame uma empresa especializada para uma inspeção. Os caça-vazamentos são os profissionais mais indicados para detectar problemas na instalação hidráulica sem a necessidade de quebrar paredes e pisos.

Os custos de restauração do imóvel

Quando uma infiltração ou vazamento aparece, a tendência é danificar a estrutura da parede ou o piso. Isso implica na necessidade de reformas que podem representar gastos elevados com mão de obra e materiais.

Dependendo das dimensões do problema até a segurança de quem mora na casa ou usa o espaço estará comprometida.

O antigo provérbio “água mole em pedra dura tanto bate até que fura” é uma realidade que pode ser constatada com pequenas infiltrações que afetam a solidez de estruturas firmes, como muros ou paredes.

Os problemas ambientais

Tudo que afeta negativamente o meio ambiente tem consequências negativas para o ser humano. O preço a pagar com a poluição do meio ambiente é muito caro e envolve não apenas um indivíduo ou um grupo reduzido de pessoas, mas toda a população humana. Sem falar na vida animal e vegetal.

Um vazamento pode interferir na natureza e proporcionar resultados nocivos. Ainda que muitas pessoas não pensem sobre isso, trata-se de uma realidade que devemos encarar. Os problemas só podem ser resolvidos quando admitimos sua existência.

Quando aparecem vazamentos, a tendência é que haja desperdício de água, que é um recurso natural esgotável e já se estima que, até 2025, cerca de três bilhões não terão acesso à água de boa qualidade.

A água oriunda de vazamentos também pode contribuir para a erosão à medida que se infiltra no solo. Se o vazamento for nas instalações sanitárias, os dejetos podem penetrar no solo e comprometer o lençol freático e a qualidade da água de poços na região. Se os dejetos alcançarem córregos e rios, por exemplo, podem ameaçar a vida dos peixes e dos outros seres vivos daquele ecossistema. Sem falar no perigo da disseminação de doenças e na poluição olfativa (mau cheiro).

Como se percebe, um simples vazamento pode se tornar em um grande problema, resultando em despesas altas para o proprietário do imóvel e, em escala maior, custando caro para o meio ambiente.

Agora que você leu o post e viu como os vazamentos podem sair caros, aproveite para deixar seu comentário aqui no blog, contando algum caso pessoal ou dando boas sugestões.

0800 7735325

(19) 3258-2447

(19) 99193-6965

[email protected]
Entre em Contato