Escolha uma Página

O esgoto pode provocar diferentes problemas de saúde, pois é formado por dejetos, por matéria orgânica e/ou inorgânica contaminada que, ao entrar em contato com o solo, a água ou o ar, acabam poluindo e se tornando focos de doenças. Isso fica bem evidenciado nos esgotos a céu aberto ou quando há vazamentos de esgotos industriais.

A água é um componente fundamental dos esgotos, mas sempre está contaminada. O tratamento dos esgotos consiste em eliminar as impurezas da água, deixando-a limpa novamente para ser devolvida ao meio ambiente ou ser reaproveitada de alguma forma.

Os resíduos originados das residências são os esgotos domésticos, os resíduos originados das fábricas formam os efluentes industrias e existem também os efluentes da água das chuvas, ou pluviais, que não vão para o esgoto comum. Vamos mostrar, neste artigo, alguns riscos à saúde associados a vazamento de esgoto!

Os produtos químicos usados para desentupir canos

Nos esgotos residenciais, é comum as pessoas utilizarem produtos químicos nos banheiros para manter os ralos e canos limpos. Apesar de, muitas vezes, eles serem úteis na remoção de obstruções, os produtos químicos podem representar um sério problema se acontecer vazamento de esgoto.

Esses produtos também vazarão por meio dos canos e podem causar danos à saúde devido à sua natureza tóxica. A soda cáustica, por exemplo, é um dos produtos mais utilizados pela população para desentupir o vaso sanitário ou a tubulação da água do banho, mas é altamente tóxico, podendo causar graves queimaduras.

Os patógenos presentes na água contaminada

Esses são, certamente, os responsáveis pelos maiores riscos à saúde. São microrganismos capazes de provocar diferentes doenças. Há algumas bactérias que, naturalmente dentro de nosso organismo, são inofensivas, mas se forem ingeridas após terem deixado nosso corpo, podem ser muito perigosas. Fungos e vírus também podem estar presentes na água de esgoto.

O vazamento de esgoto permite a disseminação desses patógenos, seja através do ar, do solo e/ou da água. Eles podem entrar em contato com a alimentação e diferentes superfícies, ameaçando a saúde de pessoas adultas, crianças e animais.

O esgoto bruto pode contribuir para a propagação de bactérias: Salmonella, E-coli, Campylobacter, Shigella. As doenças causadas pelo esgoto vazado envolvem: hepatite A, giardíase, poliomielite, diarreia por vírus, disenteria amebiana, febres tifoide e paratifoide, diarreias e disenterias bacterianas, ascaridíase (a popular lombriga), tricuríase, teníase, ancilostomíase (conhecida como amarelão), cisticercose, esquistossomose, filariose (elefantíase).

A hepatite A

Doença viral transmitida por via oral-fecal, de uma pessoa ´para outra, ou pela ingestão de alimentos ou água contaminados. Causa febre, dores musculares, náuseas, mal-estar, vômitos, urina como coloração muito escura. Em alguns casos, principalmente em pacientes com mais de 50 anos, a doença pode ser fatal.

A poliomielite

Também é uma doença causada por vírus, que afeta os nervos e pode resultar em paralisia total ou parcial. O poliovírus penetra no organismo pelas narinas e boca, sendo transmitido por contato direto ou através do muco, fezes ou catarro. Se atingir o sistema nervoso, a infecção causa a destruição dos neurônios motores, resultando na paralisia dos membros inferiores.

A disenteria

A disenteria é uma doença que afeta o intestino grosso, causando diarreia com muco e sangue, além de cólicas e dores no abdômen. Os alimentos e a água contaminada são os veículos principais da doença. É uma doença causada principalmente por bactérias, sendo as mais comuns a Shigella, a Salmonella e a Campylobacter. Também existe a disenteria amebiana, que é comum em países em desenvolvimento devido às condições higiênicas presentes neles.

A teníase

A teníase, também chamada de solitária, é uma infecção intestinal causada pelos vermes denominados “Taenia solium” e “Taenia saginata”. Os principais sintomas são vômitos, dores de cabeça, perda de peso, falta de apetite, irritação, náusea, fadiga, insônia, diarreia. Se não for tratada e alcançar quadros clínicos mais graves, a teníase pode matar.

Proliferação de insetos, roedores e aracnídeos

A proliferação de insetos, roedores e aracnídeos podem representar sérios riscos à população. Muitas vezes vemos notícias de áreas com infestação de escorpiões, baratas ou ratos. Estas infestações podem ser devido a vazamentos de esgoto que proporcionam fartura de alimentação para estes seres que trazem ameaças à vida humana.

Os gases que são emitidos durante um vazamento de esgoto

O esgoto bruto também é responsável pela emissão de gases que podem causar danos à vida humana se respirados. É o caso, por exemplo, de:

  • Metano;
  • Dióxido de carbono;
  • Cloro;
  • Sulfato de hidrogênio;
  • Óxido nitroso;
  • Dióxido de enxofre.

Os gases que mais comumente são emitidos quando um esgoto vaza são o sulfeto de hidrogênio e o metano. O primeiro pode provocar desorientação, doenças e até a morte, dependendo do nível de exposição da vítima. Já o metano pode causar a morte mesmo quando emitido em pequenas quantidades.

As explosões são raras, mas acontecem

Muitos associam explosões somente a vazamentos de gás. Mas, apesar de não serem comuns em vazamentos de esgotos, elas podem acontecer. E não é difícil compreender o motivo.

Um vazamento de esgoto pode emitir gases perigosos, mas caso a tubulação fique bloqueada, os gases ficarão aprisionados no interior dos canos, confinados.

Caso esses gases sejam expostos a faíscas ou chamas, eles podem inflamar, resultando assim em uma explosão. É preciso considerar todas as possibilidades. As explosões podem causar estragos nos bens materiais e também provocar queimaduras graves ou a morte.

A poluição do solo e do lençol freático

Se o esgoto alcança o solo, pode contaminá-lo e consequentemente, contaminar os alimentos que comemos, como as verduras, as frutas e os legumes. Se forem plantados em um solo poluído, certamente não serão saudáveis. Igualmente acontece quando os efluentes atravessam o solo e atingem o lençol freático. São as águas subterrâneas que abastecem os poços artesianos. Logo, se estiverem contaminadas, elas serão veículos de doenças diversas para os que a consumirem.

Em muitas regiões do país, principalmente na zona rural, os poços artesianos representam as principais fontes de abastecimento de água para uma comunidade ou família.  A poluição do lençol freático e o consumo de água contaminada podem resultar em uma grave epidemia de doenças dependendo da quantidade de pessoas que fazem uso dos poços.

Os riscos à saúde causados por vazamento de esgoto industrial

O vazamento de esgoto industrial oferece os mesmos riscos à saúde, mas com um potencial de dano muito maior. Pode poluir a água dos mares, dos rios, das lagoas, do lençol freático, o solo, o ar. O acúmulo de carga orgânica em excesso, a reunião de elementos tóxicos e materiais pesados e a poluição atmosférica por causa de gases tóxicos podem ser letais para a vida humana.

Os efluentes industriais podem ser a água de lavagem, a água residuária, o lodo líquido, o chorume de aterros e os efluentes industriais propriamente ditos (usados em diferentes atividades dentro da indústria).

O vazamento de esgoto é um sério problema, especialmente na zona urbana. A diversidade de riscos à saúde que oferece faz daquilo um grande transtorno que precisa ser evitado por meio da manutenção preventiva e de correções rápidas e eficazes.

Quer saber um pouco mais sobre o esgoto? Aprenda, então, a diferenciar o efluente doméstico do efluente industrial!

0800 7735325

(19) 3258-2447

(19) 99193-6965

[email protected]
Entre em Contato